Arquivo do mês: abril 2012

Saquinhos feitos em casa podem substituir sacolinhas plásticas nas lixeiras

Achei ótima esta ideia:

substituir as sacolinhas plásticas que você usava nas lixeiras por saquinhos de papel que, com algum empenho, qualquer um pode fazer. Não é nada que exija grande habilidade!

Veja aqui o passo a passo:

http://www.deverdecasa.com/2012/03/de-verde-casa-na-revista-ana-maria-da.html 

Anúncios
Nota

Bicicleta de plástico reciclado: é brasileira! Grande notícia! É uma alternativa ecológica e é “nossa”. O preço é acessível e a qualidade comparável às melhores bicicletas do mercado. Então, não há desculpa para optar por outra! Veja mais detalhes em: … Continuar lendo

Avalie isto:

Nota

Moda do bem Comprar roupas de segunda mão, fazer bazar de trocas com as amigas, customizar para dar cara nova ou doar o que ficou encalhado nas prateleiras. Mais que modismo, essas atitudes refletem um novo jeito de rechear o … Continuar lendo

Avalie isto:

Consumo consciente

Consumo consciente

Você já parou para pensar no quanto sua atitude individual pode fazer diferença na vida do planeta? É possível começar com pequenas coisas e hábitos e obter resultados grandiosos.

É só pensar – sempre! Pensar na hora de comprar, por exemplo: será que preciso mesmo comprar? Essa é a primeira questão a ser respondida e com sinceridade, pois é comum comprarmos bem mais do que realmente necessitamos. Mas, se comprar é inevitável, nascem outras questões importantes. O que comprar? como comprar? como deve vir embalado o produto que compro? Como o levar para casa? Sacolas de plástico sempre são necessárias?

Claro que, ao respondermos com seriedade a essas questões e realmente optarmos por uma mudança de atitude, muitas vezes temos de recusar a praticidade. Mas valer a pena! É em prol de algo muito maior que os nossos minutinhos gastos nesta reflexão e no planejamento das compras, que o peso da sacola não descartável que passará a levar de sua casa na ida ao supermercado.

E por que comprar frios, carnes e outros produtos em embalagens de isopor? Sabe-se que o isopor dificilmente é reciclado e que as empresas investem muito pouco em sua reciclagem; e elas nunca aproveitam o isopor usado em casa, pois exigem quantidade próxima a uma tonelada do produto para pensar em reciclar. E, uma vez na natureza, o isopor se torna uma grande ameaça por vários motivos, até mesmo pela possibilidade de ser engolido em pedaços por peixes e tartarugas.

O plástico também é muito nocivo ao meio ambiente, mas pode ser reciclado com mais facilidade. Então, se usado com moderação, é uma alternativa melhor para embalagem de frios e carne que o isopor, já que precisamos de alguma embalagem.

Por isso, pense: por que não pedir para cortar na hora esses produtos em vez de comprar na bandejinha? Você perderá alguns minutos na fila da carne, talvez, mas terá como recompensa um produto quase sempre mais fresco, que será picado na hora, e a satisfação de fazer parte de uma grande causa que te inclui. Sim, você é parte deste planeta, deste meio ambiente, e tem responsabilidade por sua preservação. Não dá para “lavar as mãos” e esperar que os problemas ambientais sejam resolvidos por “outros”.

É assim  que você começa a mudar, a ter mais consciência na hora de consumir. Consciência aliada à ação.

Mas há muitos outros hábitos a mudar relacionados ao consumo. Este é só o começo!